Penteados femininos


2881 vues
 
Antigamente a mulher não saía de casa sem o seu lenço sobre a testa.Não usando acessórios para o prender, escorregava e ficava preso a volta do pescoço. Exemplos na fotomontagem. Também ela o retirava quando estava na intimidade do seu lar, por exemplo.
Os grupos devem tomar em conta esses pormenores, não é por ele ser escondido por um lenço que não se deve prender o cabelo em condições. Existe coques postiços já enrolados que São uma boa opção para as mulheres de hoje em dia.
 
Tenho reparado em certos grupos de folclore uma moda de atar o cabelo as mulheres, demasiado moderna . Um carrapito, puxo, coques feitos com a ajuda de um acessório chamado "bun". Demasiado voluminoso e demasiado redondo e com aspeto pouco natural. Tomando em conta que as mulheres não cortavam o cabelo,e que os cuidados eram poucos (higiene) é óbvio que hoje em dia as mulheres não tem o cabelo com o mesmo aspeto do que antigamente e que nem sempre é fácil conseguir a uma copia fiel.
 
 
 
jj.jfif (11 KB)
accesorio usado hoje em dia
 
 
 
Existe algumas fotos em que se pode ver, como as mulheres atavam o cabelo. Constitui uma montagem para que possam ver, alguns modelos de penteados típicos e outros comuns ao continente. (o penteado à martelo na Beira Baixa, e os caracóis das mulheres da Serra d'Arga feitos de azeite e garfo quente).
Entrançado e enrolado em si mesmo, o puxo era a forma mais comum. Não havia os travessões como hoje, mas usava -se os ditos ganchos de osso, e a famosa travessa com a qual a mulher podia arranjar o seu cabelo durante o dia.
 
 
travessa
 
ganchos
 
 
Desktop1.jpg (1.64 MB)
Viv Vila Verde (Trajar do Povo em Portugal junho 2016)